Eu gosto muito de religiões. Os cristãos têm uma frase célebre:"O espírito é forte, mas a carne é fraca".

E com frequência imagino que alguém que lê isso pensa que se refere às tentações da carrne. Bom, certamente se refere às tentações da carne, mas dúvido que somente. Podemos prolongar um pouco e falar dos exerícios físicos.

Uma aula de treino funcional na academia, uma sessão longa de exercício cardiorrespiratório; um agachamento beirando o próprio limite. Essas... "ações(?)" travam batalhas entre a mente e o corpo. Mais um pouco, só mais alguns segundos, pensa o marombeiro, eu ou você, enquanto faz aquele últiimo esforço.

Essa é uma instância muito comum de quando o corpo quer fazer a mente desistir.

Agora, mudando de assunto, alguns anos atrás me interessei por programação e então nasceu em mim um ímpeto por aprendizado que não morreu até hoje. Espero que só morra junto comigo -- se tanto. Graças à programação criei interesse por matemática. Matemática!

Todo mundo que já passou pelo vestibular, ou está para passar, sabe o que é estresse oriundo dos estudos. No ensino médio meu rosto parecia um chokito, graças à acne que provinha do estresse de tanto estudar. Ora, eu estava estudando por obrigação -- mas o que acontece quando você estuda que nem louco, mas sem ser por obrigação?

Tenho um problema. Eu tenho compulsão por estudar. Parte é medo e apego; parte é diversão. Tem tanta coisa incrivelmente interessante para aprender na vida, e eu só acordei pra este fato por volta dos meus 16 anos, e só dois anos mais tarde resolvi tomar vergonha na cara e de fato começar a aprender. Cada segundo que eu não estou estudando é um segundo em que não estou aprendendo algo novo, e cada segundo que estou aprendendo algo novo é um segundo que estou deixando de aprender outra coisa.

Diabos! Por que não posso aprender de tudo ao mesmo tempo? Argh! Ainda bem que existe a tal da transferência.

Enfim, o excesso de uma coisa boa definitivamente existe. Beber 10l de água em 1 minuto, creio eu, configura afogamento. Talvez eu esteja tentando correr como Usain Bolt por toda uma maratona. 100m rasos? Não sei nem o que são "rasos", mas que tal 10.000 metros?! Na mesma velocidade?! E por causa disso agora não estou podendo estudar tanto quanto gostaria. O Workaholic sofre de estresse. Eis-me um study-a-holic, igualmente sofrendo de estresse e, derivado desse, hipertensão. Sinto até culpa se não estiver estudando. Meu jogo favorito é Dark Souls, e eu tenho que me forçar a jogar pra não ter o famoso troço.

O espírito é forte, mas a carne é fraca. Queria eu estar me afogando em estudos sobre análise de dados neste momento, mas eu nem sequer consigo olhar pros vídeos-tutoriais sem começar a sentir uma certa ansiedade. Estou sendo forçado a relaxar. O espírito quer devorar o mundo, mas o corpo quer jejuar. Não costuma ser o contrário?